Arquivo da tag: Maceió

Aumento das passagens de ônibus em Maceió: 2,75R$


onibus

Não é a primeira vez que comento sobre o aumento das passagens de ônibus coletivo em Maceió, também não tinha como não tocar no assunto aqui no Blog do Marques, já que houve hoje (publicado no Diário Oficial do Município) um reajuste de 10% no valor das passagens e que afetará diretamente o bolso de milhares de maceioenses que precisam utilizar do serviço para se locomoverem, tanto para trabalhar como para qualquer outra finalidade.

A passagem foi de R$2,50 para R$2,75 e alguns podem questionar o que são 25 centavos na vida de alguém… Imagine, o senhor que tem esse questionamento, alguém que recebe um salário mínimo e necessita pegar dois ônibus para chegar ao trabalho, de segunda a sábado, no Centro de Maceió. Lembrando, que essa pessoa, além de locomoção, precisa alimentar-se e quando não alimentar a sua família.

Bom, a essa decisão do aumento foi tomada no finalzinho de janeiro pelo Conselho Municipal de Transportes, que é formado por representantes de diversas entidades e da sociedade civil. O argumento utilizado é o reajuste nos valores dos combustíveis e correção salarial dos funcionários, como bem explicou o superintendente da SMTT, Tácio Melo, em matéria publicada no Cada Minuto:

“Houve alta do combustível, da inflação e tributos, salários e planos de saúde dos rodoviários, peças e serviços para manutenção da frota, itens que elevam o custo operacional do sistema. No entanto, Maceió concedeu reajuste menor do que outras capitais.”

A justificativa é plausível, não desmereço em nada o que foi dito pelo superintendente da SMTT, porém sempre temos esse debate e os questionamentos são os mesmos, como por exemplo: Quando sairá a tão sonhada e cobiçada licitação do transporte urbano em Maceió? Quando será revista a planilha de gratuidade que os vereadores, com medidas populistas, insistem em empurrar goela a baixo como se fossem salvadores da pátria? Que fique claro, não sou contra a gratuidade de alguns segmentos, porém do jeito que está é deveras exagerado.

Espero atenciosamente a materialização da licitação para que possamos realmente ver mudanças concretas na questão do transporte público de qualidade da nossa cidade. Outra coisa, não podemos esperar muito dos nossos vereadores, já que alguns têm uma relação, digamos, bem rodada com o setor. Essa relação idiossincrática, que foi gerada lá no início da campanha, é difícil de ser quebrada, já que se trata de amor verdadeiro!

Isso mesmo, minha gente, ele existe!

Siga-me no Twitter/Instagram: @Marques_JM

Deixe um comentário

Arquivado em Geral

Faixa Azul em Maceió, uma questão de costume?


onibus_faixa_esclusiva

Finalmente a famigerada Faixa Azul, faixa exclusiva para ônibus, foi implementada em Maceió, nas avenidas Durval de Góes Monteiro e Fernandes Lima. Porém, o seu primeiro dia não foi dos mais agradáveis, até não esperava que fosse, pois a nova medida ainda não foi absorvida por todos os motoristas da nossa Capital.

Com trânsito lento e muita gente quase arrancando os cabelos, muitos motoristas acabaram invadindo a área exclusiva e aproveitando maliciosamente do espaço vago para adiantar seu percurso. Malícia essa instigada pela falta de agentes da SMTT nas ruas, que conduziriam a fiscalização e as autuações educativas, inicialmente.

A reclamação foi grande nas redes sociais e em alguns programas de rádio onde o assunto foi tema constante. Muitos não acreditam na nova medida e preveem o seu fracasso para o mais breve possível. Outros tantos, desejam o sucesso da faixa azul, porém fazem coro a esse jovem blogueiro de que, sem a devida fiscalização o projeto não dará certo.

Encontramos diariamente motoristas que pensam ser os mais importantes e que não podem seguir as regras como todo mundo, esse é um dos fatores dos grandes problemas que temos em nosso trânsito. Não tenho dúvida alguma que esses são os que mais sofrem com a implementação da faixa exclusiva.

Somos mal-educados no trânsito e como disse um tuiteiro famoso aqui de Maceió, quanto maior o carro, maior a arrogância. Não reduzo o debate entre bons (usuários de ônibus) e maus (motoristas particulares), como alguns insistem em fazer. Hoje o nosso trânsito é um grande espelho que reflete a face da nossa sociedade.

Com a faixa exclusiva os usuários do transporte coletivo terão facilidade para chegar em seu trabalho, o que é um grande incentivo para o particular deixar o seu carro em casa e também utilizar o transporte de massas. Mas há um grande detalhe aí, ainda temos uma frota de ônibus sucateada, com passagem de R$ 2,30 (até março, quando começa o novo valor de R$ 2,50 – outro absurdo) que não reflete na qualidade e logística do transporte coletivo e não temos a menor segurança dentro dos ônibus, onde todo dia ouvimos mais uma história de assaltos e mais assaltos!

Muita coisa precisa mudar para começarmos a enxergar um novo tempo, desse lado precisamos ser mais humildes e honestos, sem querer tirar vantagem sobre ninguém, respeitando as normas de trânsito e as regras da boa educação, aquela que tivemos em casa, acredito eu. Do outro lado, a prefeitura precisa apresentar alternativas para o melhoramento da mobilização urbana da nossa cidade, como já vem apresentando com a licitação e outras medidas, sem contar com a eficiência da fiscalização constante por parte da SMTT, com as devidas punições, para assim aos poucos o adulto ser educado no trânsito.

Fico na torcida pelo sucesso da nova medida, que também já foi implementada em outras cidades, para que o maceioense sinta-se mais respeitado e valorizado.

Siga-me no Twitter: @Marques_JM

2 Comentários

Arquivado em Alagoas, Geral

Velhos comissionados voltam a Assembleia Legislativa de Alagoas


assembleia legislativa alagoas

No dia 31 de janeiro, sexta-feira passada, saiu no Diário Oficial do Estado, a publicação com os nomes dos “novos” servidores comissionados da Assembleia Legislativa de Alagoas. Medida essa, tomada depois que a Mesa Diretora exonerou todos os servidores públicos comissionados da Casa de Tavares Bastos.

A ideia inicial, sustentou a Mesa, era dar transparência e segurança aos atos da gestão Fernando Toledo e “Cia Ltda.”, que voltava de um período tenebroso – ou de esperança?! – de afastamento de todos os membros por 60 dias.

Com a medida moralizadora novos (velhos?) nomes surgiram no quadro de comissionados, entre eles o da servidora Joana D’Arc, alvo das investigações do Ministério Público de Alagoas e que acabou ficando nacionalmente conhecida depois da matéria do Fantástico sobre os desvios milionários da ALE-AL.

JoanaDarc

Segundo as investigações a servidora Joana, teve em sua conta bancária somente 277 depósitos curiosos entre janeiro de 2012 e julho de 2013.

Como já falei aqui diversas vezes, não adianta apresentar solução de fachada para pregar uma moralidade e renovação na Assembleia Legislativa do Estado, quando velhos e nefastos costumes permanecem. Falam em mais transparência e que estão trabalhando pelo bem de Alagoas, quando atos de improbidade administrativas são cometidos com a maior naturalidade, como se a sensação de impunidade fosse mais real que o ar que respiramos.

Precisamos viver novos tempos na setor público em nosso país e principalmente em nossa Alagoas, onde todos sabem o que acontece, mas infelizmente, por motivos dos mais diversos, nunca conseguimos provar, nunca.

Com isso continuamos caminhando não sei pra onde e com o pensamento não sei de quê. A sensação muitas vezes, infelizmente, é que estamos sem rumo. Porém, o meu orgulho alagoano, não deixa desanimar jamais, pois acredito que novos tempos virão. A força daqueles que querem um Estado mais justo serão manifestadas no dia a dia, não somente nas eleições que está perto, mas nos pequenos gestos e atos de humildade, honestidade e generosidade.

Siga-me no Twitter: @Marques_JM

1 comentário

Arquivado em Alagoas

Audiência Pública sobre o Transporte Público de Maceió


Audiencia-Publica-Dominus-Auditoria-03

Amanhã acontecerá a partir das 8h, no auditório da Faculdade Integrada Tiradentes (Fits), em Cruz das Almas, uma audiência pública que terá como tema a licitação do transporte público coletivo de Maceió, organizada pela Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) a audiência, também, será transmitida pelo site da Prefeitura.

Todo cidadão poderá participar da sessão e fazer os questionamentos e apresentar ideias. As inscrições para essas manifestações serão encerradas às 10h30, por isso fique atento para não perder a oportunidade de se manifestar.

É de extrema importância a participação da população nesses momentos de direcionamento da condução do município. Sabemos que o transporte público coletivo de Maceió tem muitos problemas que precisam ser resolvidos, como diversas vezes apontei aqui no blog, porém são medidas como essas que nos dá a possibilidade de fazer um governo municipal sempre mais participativo.

Depois da audiência pública a SMTT terá 15 dias úteis para publicar o edital e depois divulgar a data de abertura do processo. A expectativa com a licitação é a melhora do nosso transporte público, com maior conforto e alternativas de linhas para a população.

Participando desses momentos, sejam pessoalmente ou online, aumentamos em nós o orgulho por nossa cidade. Precisamos cada vez mais sermos cidadãos atuantes e atentos aos passos dados pelos nossos gestores, tanto no município como no Estado. Uma população atenta que cobra, apresenta ideias, sugestões e projetos, terá sem dúvidas uma cidade cada vez melhor.

Siga-me no Twitter: @Marques_JM

1 comentário

Arquivado em Alagoas, Geral

Proibido veículos pesados na Fernandes Lima


120910transito2

A Lei Municipal nº 5.594 de março de 2007, de autoria do ex-vereador Galba Novaes, será finalmente colocada em prática a partir do dia 24 de fevereiro. A lei é referente a proibição de circulação de veículos pesados nas principais avenidas de Maceió, Fernandes Lima e Durval de Góes Monteiro.

A lei tem o intuito de melhorar o trânsito no corredor principal da capital, porém desde 2007 e a lei não vingou, por falta de fiscalização, acabando entrando no esquecimento dos motoristas.

Com o vigor da lei, deixarão de rodar na Fernandes Lima e na Durval de Góes Monteiro os veículos com mais de cinco toneladas entre 6h e 20h. Um exemplo desses veículos são os caminhões cegonhas. Em São Paulo, existe lei semelhante, onde os caminhões pesados são proibidos de circular em determinados horários, sem prejuízos nas entregas de mercadorias.

O que acontecerá com quem desobedecer a lei? Será multado e perderá pontos na carteira. Pelo menos foi o que declarou o superintendente Municipal de Transporte e Trânsito, Tácio Melo, no site da Gazeta Web.

Em 2010 o tráfego de veículos pesados nas avenidas Fernandes Lima e Durval de Góes Monteiro foi limitado. A SMTT decidiu proibir o trânsito de caminhões e tratores. Na época foi realizado uma campanha educativa para informar aos motoristas as novas determinações.

Bom, não adianta proibir, cumprindo a lei, sem a devida fiscalização e trabalho de conscientização por parte da SMTT, pois sabemos o quanto é complicado o nosso trânsito.

Com a fiscalização efetiva a lei será cumprida e aqueles que a desrespeitarem são punidos, assim torcemos por um trânsito menos caótico e mais educado.

Siga-me no Twitter: @Marques_JM

1 comentário

Arquivado em Alagoas, Geral

Até mais, Santos!


snatos

Passear em Santos é relaxar ao som da natureza viva dos morros verdes que lhe embelezam com uma maestria divina. Não esquecendo dos morros habitados e suas diversas arquiteturas onde milhares de santistas buscam no dia a dia uma vida melhor.

Um cidade receptiva e com um calor que lhe faz desejar uma água de coco combinada com uma corrida na orla que ostenta o maior jardim frontal de praia em extensão do mundo e seus curiosos prédios inclinados.

Andar no Orquidário, templo da natureza, e ficar inspirado com inúmeras ideias não é privilegio meu, mas de cada um que ali visita. Antes de sair da região do Canal 1, uma passada na sorveteria Royal é fundamental.

A minha região especial é a do Canal 3, lá no Gonzaga, nas proximidades da Praça da Independência um lugar como nenhum outro, especial e com opções diversas de café, livrarias e chopp. Isso tudo não trocaria por nada em Santos, nem mesmo pelo pastel do Carioca e o seu mate com limão.

Estou me despedindo pedindo muita paz e harmonia a Santo Antônio do Valongo e a Nossa Senhora do Monte Serrat. Um último pai nosso na Igreja do Embaré e estou pronto para voltar para o lugar mais lindo do mundo, o lugar onde uma parte da minha alma está impregnada, independentemente onde eu esteja…

Estou voltando para a minha Alagoas, minha Maceió!

“Se você pretende saber quem eu sou
Eu posso lhe dizer
Entre no meu carro na Estrada de Santos
E você vai me conhecer”

Siga-me no Twitter: @Marques_JM

2 Comentários

Arquivado em Textos, Viagens

Cronograma de despesas da Prefeitura de Maceió


orçamento

Foi divulgado pela Prefeitura de Maceió o cronograma de despesas entre os meses de janeiro a abril. O que é importante para o maceioense poder acompanhar mais de perto os passos dados pela nova gestão que começa 2014 com muita coisa engatilhada e outras na mira para solução a curto, médio e longo prazo.

O maceioense anseia por soluções para problemas que lhe tiram o sono como é o caso da saúde, onde o problema é complexo e nada fácil de resolver, porém que precisa sempre de uma atenção e esforços para que no decorrer dos dias a população possa sentir o aroma do respeito, que lhe foi negado por tanto tempo.

A Saúde terá nesses meses um total de 69 milhões e a Educação R$ 84,4 milhões. Áreas de extrema importância em nossa cidade, pois encontramos no dia a dia deficiências que precisam ser sanadas para que possamos ter uma vida mais digna.

Os problemas são muitos, todos sabemos, e torcemos para que aos poucos e com pés no chão, sem pirotecnia, possamos curtir cada vez mais o novo tempo da nossa capital.

Clique na imagem e saiba o orçamento das demais secretárias da Prefeitura de Maceió e fique sempre atento ao que acontece em nossa cidade, pois cidadãos atentos, cidade cuidada e população respeitada!

Siga-me no Twitter: @Marques_JM

Deixe um comentário

Arquivado em Alagoas, Política